EducaçãoPolíticaSaúde

Cuidados com curativos domésticos merecem atenção

Dica vem do curso de Enferemagem da Uninassau Boa Viagem, na capital pernambucana

UNIVERSIDADE EM PAUTA – Diversas situações podem ocasionar lesões pelo corpo, como cortes com facas, quedas, queimaduras, entre outras. E, dependendo do caso, as pessoas costumam realizar os curativos em casa, sem comparecer ao pronto-socorro.

Adrian Thaís, enfermeira e coordenadora do curso de Enfermagem da UNINASSAU Boa viagem, explica como agir em situações de queimaduras de primeiro e segundo grau. “Colocar água fria corrente por alguns minutos e limpar delicadamente a área com água e sabão neutro é essencial para a proteção da ferida. O local precisa ser higienizado e protegido até que a queimadura esteja completamente curada. Se ela for extensa, profunda e não parar de sangrar, é necessário procurar o hospital”.

Para cortes ou ferimentos superficiais, o processo é similar. “Limpe a ferida com água corrente e sabão suave, removendo qualquer sujeira ou detrito. Se necessário, aplique uma solução antisséptica. Cubra a região com um curativo estéril ou gaze e o mantenha limpo e seco. Verifique regularmente a ferida para evitar infecção, inchaço ou pus”, explica.

A enfermeira ainda fala sobre quando é preciso procurar o hospital. “Se a pessoa ferida estiver com tonturas, confusão, perda de consciência ou outros sinais de lesão grave, é necessário ir ao hospital. A importância é a mesma caso ela não esteja vacinada contra o tétano e a ferida for causada por um objeto sujo ou enferrujado ou tenha condições médicas subjacentes que compliquem a cicatrização, como diabetes mellitus ou problemas de circulação sanguínea”.

Tags

Cinara Marques

Página do Portal Tribuna Nordeste que visa mostrar notícias diárias da região com foco nos estados de PE, BA e PB, Vale do São Francisco, Petrolina/PE, Juazeiro/BA e o que for importante como informação para o Brasil e o mundo. Acesse tribunanordeste.com.br e fique sempre bem informado. Mande sua sugestão no 81 9 9251-9937 ou [email protected] .

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja Também

Fechar
LUMOS
%d blogueiros gostam disto: