PolíticaSaúde

Por que a saúde mental deve ser a resolução principal em 2024

Sua Saúde

À medida que nos despedimos de um ano e damos as boas-vindas a outro, muitos de nós tradicionalmente traçam uma lista de resoluções de Ano Novo. Essas resoluções frequentemente incluem metas como perder peso, economizar dinheiro ou aprender uma nova habilidade.

No entanto, em um mundo cada vez mais consciente da importância da saúde mental, é hora de considerar por que a saúde mental deve ser a principal prioridade.

“Em 2024, mais do que nunca, é crucial colocar a saúde mental no centro das resoluções de Ano Novo”, destaca a psicóloga Jullyanna Cardoso, uma defensora incansável do bem-estar emocional.

Ela ressalta que “o crescimento das preocupações com a saúde mental reflete uma mudança positiva na percepção coletiva, reconhecendo-a como uma parte integral do nosso bem-estar”.

A conscientização sobre a saúde mental cresceu nos últimos anos, refletindo um entendimento mais profundo de como ela afeta todos os aspectos de nossas vidas. “Investir na saúde mental é investir em uma vida plena”, afirma a psicóloga, sublinhando seu impacto em relacionamentos, enfrentamento de desafios e satisfação pessoal.

Reduzir o estigma em torno das questões de saúde mental é uma batalha contínua, e a abertura sobre desafios emocionais desempenha um papel fundamental nesse processo.

“Ao falar abertamente e buscar ajuda quando necessário, contribuímos para uma sociedade mais compreensiva e solidária”, ressalta Jullyanna.

O autoconhecimento e o crescimento pessoal também são destacados como benefícios decorrentes do cuidado com a saúde mental.

“Trabalhar nisso nos capacita a lidar eficazmente com desafios, promovendo um desenvolvimento individual significativo”, comenta a especialista em Terapia Cognitiva Comportamental.

Como Priorizar a Saúde Mental em 2024?

* “Busque ajuda profissional: Se você estiver enfrentando desafios de saúde mental, não hesite em procurar ajuda de um profissional de saúde mental. Terapia e aconselhamento podem fazer uma grande diferença”, aconselha a psicóloga.

* “Pratique a autocompaixão: Seja gentil consigo mesmo. Aprenda a aceitar suas limitações e a reconhecer que está tudo bem pedir ajuda quando necessário”, sugere.

* “Estabeleça metas realistas: Em vez de resoluções extremamente ambiciosas, estabeleça metas realistas e alcançáveis para melhorar sua saúde mental”, destaca.

* “Priorize o equilíbrio: Encontre maneiras de equilibrar trabalho, vida pessoal e lazer. O equilíbrio é fundamental para a saúde mental”, orienta a psicóloga.

Ao planejar as resoluções para 2024, Jullyanna Cardoso destaca:

“Cuidar da mente é uma resolução que nunca deve ser esquecida. Ao fazê-lo, contribuímos não apenas para nosso próprio bem-estar, mas também para um mundo mais compreensivo e emocionalmente saudável”, concluiu.

Tags

Cinara Marques

Página do Portal Tribuna Nordeste que visa mostrar notícias diárias da região com foco nos estados de PE, BA e PB, Vale do São Francisco, Petrolina/PE, Juazeiro/BA e o que for importante como informação para o Brasil e o mundo. Acesse tribunanordeste.com.br e fique sempre bem informado. Mande sua sugestão no 81 9 9251-9937 ou [email protected] .

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

LUMOS
%d blogueiros gostam disto: